Kadu Moliterno tem medo que filho gay volte ao Brasil e seja executado

A violência tem deixado o ator Kadu Moliterno cada vez mais tenso, principalmente por conta do preconceito. Prova disso é que o veterano, que tem um filho gay e militante das causas LGBTS em Los Angeles, nos Estados Unidos, revelou que sente medo de quando ele voltar ao país.

“Às vezes, ele vem para as férias aqui no Brasil e eu digo para ele tomar cuidado, é claro. Porque a nossa cidade é a mais violenta da América Latina, estamos vivendo uma crise que nunca vi igual.

Em Armação Ilimitada (série de Daniel Filho de 1985), nós tínhamos dois caras que namoravam uma mesma mulher. Naquela época, isso foi aceito. Hoje em dia, parece que regrediu. O preconceito aumentou muito”, disse o rapaz em conversa com a “Quem”.

++ Eliana é criticada após levar Manuela para fazer um ritual: “Ela é louca’”

O filho do ator, Kenui, mantém o canal informativo chamado Gay Code no Youtube. “O meu filho é um exemplo e ajuda muito a gente a melhorar a qualidade de vida e abrir a mente. Eu dou o maior apoio a ele. Mas, eu tenho medo realmente. Eu prefiro que ele more lá em Los Angeles. Não que lá não tenha violência, mas tem muito menos do que aqui”, conclui Kadu.

Thammy fala da vontade de voltar a ser mulher e desfazer a mudança corporal

++ Com o silêncio quebrado a verdade vem a tona sobre Xuxa ter agido como pedófila

Últimos Comentários

Deixe um comentário